Itanhém: ”Cheba” é morto com 16 tiros em fazenda às margens BA-290

 

 

Julivar Carvalho Cardoso, o "Cheba”, 39 anos de idade, foi morto a tiros na noite deste domingo (28) por volta das 22 horas, em uma fazenda às margens BA 290, próximo ao entroncamento de Ibirajá, Distrito de Itanhém.

De acordo com informações repassadas à reportagem do MDD, ele estava nesse local participando de uma "social" com amigos e se distanciou por um momento para atender uma ligação. Minutos depois, ouviram-se diversos disparos de arma de fogo.

Ao tentarem descobrir o que estava acontecendo, os colegas de Julivar o encontraram caído, na posição decúbito ventral (barriga para baixo), na porta da residência, com pelo menos 19 perfurações de arma de fogo pelo corpo.

O Pelotão de Emprego Tático Operacional – PETO foi solicitado no local, realizou buscas no intuito de identificar algum suspeito, mas não teve êxito. O Samu 192 também foi acionado para constatar o óbito.

A arma usada no crime pode ter sido uma pistola 9 mm. Várias cápsulas ficaram espalhadas pelo chão.

Itanhém: ”Cheba” é morto com 16 tiros de 9mm em fazenda às margens BA-290

O corpo será encaminhado para o Departamento de Polícia Técnica de Teixeira de Freitas - DPT, onde passará por necropsia.

De acordo com informações, Julivar Carvalho Cardoso, "Cheba”, era um dos comandantes do tráfico de drogas nas cidades de Medeiros Neto e Itanhém. Cheba estava encarcerado no presídio, onde cumpriu pena por tráfico de drogas, e havia saído há exatas duas semanas. Ele fazia uso de uma tornozeleira eletrônica.

 

Por: Jan Santos / MDD



Notícia Postada em 29/06/2020
Comente esta notícia: