Depois de Premio diretor de 'Tropa de elite' chega ao Rio

José Padilha comentou vitória de seu filme no Festival de Berlim. Fernanda Machado e Fernanda Montengro falaram da conquista.

 

“Estou muito feliz”, resumiu José Padilha, diretor de “Tropa de elite”, sobre a sensação de ganhar o Urso de Ouro no Festival de Berlim, na Alemanha. Depois de 20 horas de vôo até o Rio de Janeiro, com escala em São Paulo, ele desembarcou por volta das 20h deste domingo (17) no aeroporto Santos Dumont ao lado da atriz Maria Ribeiro e parte da equipe que o ajudou no longa. “Agora quero ver minha mulher, meus filhos e comemorar aqui”, avisou ele, que deve voltar a se reunir com o elenco na tarde desta segunda-feira (18) para falar à imprensa sobre a primeira conquista internacional da produção. Até a vitória no Festival de Berlim, "Tropa de elite" enfrentou críticas tanto no Brasil quanto na própria exibição na Alemanha, além da polêmica. Padilha não escondeu a alegria pela conquista: “Valeu a pena”. Em um evento em São Paulo, Fernanda Machado, uma das principais figuras do elenco de "Tropa de elite", valorizou o papel de José Padilha para o sucesso do filme. "Não fui porque estava gravando a minissérie ['Queridos amigos']. Mas o Wagner me ligou extasiado, muito feliz, nem reconheci a voz dele. Ainda não falei com o Zé [José Padilha], mas preciso dar os parabéns a ele. Claro que o filme somos todos os nós, mas ele vestiu a camisa e foi muito corajoso ao fazer um filme tão polêmico." A atriz comentou que foi bastante prazeroso ganhar dez anos após a vitória de "Central do Brasil" no mesmo festival. A protagonista do filme de Walter Salles, Fernanda Montenegro, que também estava presente, deu os parabéns à equipe de "Tropa". "Um prêmio dessa importância traz sempre muita luz para o nosso cinema." Fonte: G1

Notícia Postada em 18/02/2008
Comente esta notícia: