Sesab duplica velocidade de análise dos exames RT-PCR para a Covid-19

 

ição de mais três extratores e dois pipetadores robotizados que vão ampliar ainda mais a nossa capacidade de realizar RT-PCR, bem como outro equipamento de sequenciamento genético”, ressalta.

 

O sequenciamento genético de amostras da Covid-19 pelo Lacen-BA é fundamental para conhecer as rotas de transmissão do vírus, a diversidade e pode auxiliar o desenvolvimento de vacinas e medicamentos para o tratamento da doença.

 

O secretário da Saúde da Bahia explica que o sequenciamento é a leitura do genoma (DNA ou RNA) de um organismo. "Saber como o Sars-CoV-2 (Covid-19) se comporta em nível genômico auxilia o desenvolvimento de vacinas e drogas eficientes, sobretudo, ao considerar as mutações identificadas. Traçando um paralelo com outros tipos de vírus, não é incomum pacientes desenvolverem "resistência” ao medicamento e isso ocorre não porque o paciente ficou resistente, mas sim o vírus”, ressalta Vilas-Boas.

 

Segundo a diretora geral do Lacen-BA, desde o início da operação em fevereiro deste ano, a Bahia já sequenciou 176 amostras, sendo 32 finalizadas ontem (31). "As variantes de maior atenção estão relacionadas as cepas do Reino Unido (B.1.1.7) e de Manaus (P1), que são consideradas mais contagiosas. Juntas, elas foram detectadas nos municípios de Amargosa, Anguera, Brumado, Cipó, Cruz das Almas, Feira de Santana, Guanambi, Ilhéus, Itabuna, Itapetinga, Irecê, João Dourado, Lauro de Freitas, Luís Eduardo Magalhães, Mutuípe, Salvador, Santa Luz, São Sebastião do Passé e Serra Preta”, destaca.


Bahia Notícias 



Notícia Postada em 03/04/2021
Comente esta notícia: