Almir Zarfeg, presidente da ATL, celebra os 40 anos da criação do Neotrovismo

 

Por ItanhemFest

 

 Clério Borges, Cristhiane Ferreguett, Roberto Vasco e Almir Zarfeg

O poeta e jornalista Almir Zarfeg produziu três "trovíssimas”, como ele costuma se referir à trova, para homenagear os 40 anos da criação do Movimento Neotrovista Capixaba. 

O Neotrovismo, movimento de valorização da trova e trovadores, teve início exatamente no dia 1º de julho de 1980. Liderado pelo trovador Clério José Borges e demais artistas capixabas, o movimento passou a existir oficialmente com a criação do Clube dos Trovadores Capixabas (CTC), para o qual Clério foi eleito presidente.

Em 2017, o CTC deu lugar à Academia Capixaba de Letras e Artes de Poetas Trovadores (ACLAPT), como uma estratégia para agregar mais nomes e apoios, mas mantendo as conquistas do valoroso clube.

 

 Trovador Clério José Borges durante evento na ATL

 "Essa foi a maneira que encontrei de homenagear esse movimento que fez e faz tanto pelos trovadores capixabas e brasileiros”, afirmou Zarfeg, que preside a Academia Teixeirense de Letras (ATL) e é membro correspondente da ACLAPT na Bahia.

Outros acadêmicos da ATL também membros correspondentes da Academia Capixaba de Poetas Trovadores: Armando Azevedo, Athylla Borborema, Carlos Mensitieri, Elias Botelho, Erivan Santana, Gisele Ellen, Patrícia Brito e Val Bernardino.

 

"Meus cumprimentos mais que especiais ao Clério Borges, presidente da ACLAPT, pela dedicação à trova e seus cultores durante as últimas quatro décadas”, concluiu Zarfeg.

As três "trovíssimas” que AZ dedicou ao Neotrovismo:


Neste primeiro de julho –

Data cheia de simbolismo –

Celebramos com orgulho

O início do neotrovismo!

= =

São quarenta anos legados

À boa e singela trovíssima –

No chão capixaba e estados

Da nação brasileiríssima!

= =

Viva o forte movimento

De apoio aos neotrovadores

Que, com seu avivamento,

Poetizam as próprias dores!

 



Notícia Postada em 01/07/2020
Comente esta notícia: