Mãe que mandou matar filho o rejeitava pelo fato de o mesmo ser negro

 

Nadja Carneiro Silva, de 65 anos, suspeita de ter mandado o filho Anúbio Silva Santos assassinar a facadas o outro Rafael Silva Santos, 21 anos, crime ocorrido no dia 9 deste mês no bairro Sitio Matias, em Feira de Santana, foi presa na manhã desta sexta-feira, 14, após se apresentar na Delegacia de Homicídios e Proteção à Pessoa (DHPP) da cidade. A prisão aconteceu em cumprimento a um mandado de prisão preventiva decretada pelo juiz Gustavo Hungria, titular da vara do juri e execuções penais. Nadja que chegou à delegacia acompanhada do advogado Marcilio Aquino, se limitou a falar para a imprensa que era inocente e que amava os filhos. Uma filha da suspeita, Rafaela dos Santos Bispo desmentiu a mãe e a acusou de ser a mandante do crime. “Ela estava na casa de minha irmã, sim, pois quando liguei para o celular dela a ouvi mandar o meu irmão matar o Rafael, ela gritava ‘mata ele logo, mata, mata’, agora vem dizer que não estava lá. Mentirosa, isto é o que ela é”, acusou. Bastante emocionada, Rafaela teve que ser contida por policiais civis no momento em que a mãe era conduzida para a carceragem. “Assassina, monstra, mentirosa. Você vai pagar por ter tirado a vida do Rafael. Você não ama ninguém”, gritou, tentando alcançar a mãe. Ela contou que Nadja teve sete filhos, cada um de um pai e que nunca gostou de Rafael por ele ser negro. Aos nove anos, segundo Rafaela, o irmão foi deixado pela mãe em uma orfanato e só retornou para o convívio familiar aos 16 anos. “Ela não gostava dele, na verdade de nenhum dos filhos. Ela sempre nos maltratou e agrediu”. Meu irmão morava comigo e sempre que encontrava com ela, ela o xingava e o agredia. Ela não vale nada. Para mim ela morreu”, disse. O CRIME Rafael Silva Santos foi morto com uma facada no tórax após discutir com o irmão Anúbio Silva Santos e com a mãe Nadja Carneiro. Familiares informaram que a vítima teria bebido água diretamente na garrafa que estava na geladeira, fato que deixou a mãe irritada e iniciou-se uma discussão. Anúbio teria se envolvido na briga e a mãe mandou que ele pegasse uma faca e matasse o Rafael. (Informações: A Tarde) teixeiranews

Notícia Postada em 15/03/2014
Comente esta notícia: